Livro: Ligeiramente Casados

terça-feira, 10 de fevereiro de 2015
 Livro: Ligeiramente Casados
Paginas: 287
Editora: Arqueiro
Autora: Mary Balogh

Sinopse: Ligeiramente Casados - À beira da morte, o capitão Percival Morris fez um último pedido a seu oficial superior: que ele levasse a notícia de seu falecimento a sua irmã e que a protegesse Custe o que custar!. Quando o honrado coronel lorde Aidan Bedwyn chega ao Solar Ringwood para cumprir sua promessa, encontra uma propriedade próspera, administrada por Eve, uma jovem generosa e independente que não quer a proteção de homem nenhum.
Porém Aidan descobre que, por causa da morte prematura do irmão, Eve perderá sua fortuna e será despejada, junto com todas as pessoas que dependem dela... a menos que cumpra uma condição deixada no testamento do pai: casar-se antes do primeiro aniversário da morte dele o que acontecerá em quatro dias.
Fiel à sua promessa, o lorde propõe um casamento de conveniência para que a jovem mantenha sua herança. Após a cerimônia, ela poderá voltar para sua vida no campo e ele, para sua carreira militar.
Só que o duque de Bewcastle, irmão mais velho do coronel, descobre que Aidan se casou e exige que a nova Bedwyn seja devidamente apresentada à rainha. Então os poucos dias em que ficariam juntos se transformam em semanas, até que eles começam a imaginar como seria não estarem apenas ligeiramente casados...
Neste primeiro livro da série Os Bedwyns, Mary Balogh nos apresenta à família que conhece o luxo e o poder tão bem quanto a paixão e a ousadia. São três irmãos e três irmãs que, em busca do amor, beiram o escândalo e seduzem a cada página.

Oi meus amores tudo bem com vocês?
Hoje vim conversar um tiquinho com vocês sobre o livro Ligeiramente Casados !! Vamos lá?

ps: Mas antes só vim informa-los, que os horários das minhas resenhas vão ser praticamente fixos. Das 19 horas em diante }(no máximo 20:30 a 21:00)postarei, tirando os finais de semana! <só caso tenham curiosidade rsrs>

Bem gente o livro Ligeiramente Casados relata a estória do coronel Aidan Bedwyn e Eve.
A estória dos dois tem um começo muito simples, quando o coronel aparece para dar a noticia de seu irmão.
Mas a "maldita" promessa que ele fez ao irmão de Eve o fez ficar pensando que o "custe que custar" do irmão dela podia ser algo mais.
Para vocês entenderem melhor, O capitão Morris irmão de Eve falece em combate, porem antes de falecer ele fez Aidan prometer que protegeria Eve seja como for.

Aidan encontra uma Eve animada e nem um pouco preocupada no quesito "beleza" do vestuário, mas em estantes ele ve uma Eve palida e quase sem vida pela noticia.

Os dois começam tendo uma relação de respeito normal. Eve grata por ele ter vindo lhe avisar pessoalmente do falecimento do irmão, porém ela dava tudo a entender para ele ir embora aproveitar seus dois meses de licença até se juntar a cavalaria de novo.

Mas por destino todas as tentativas de Aidan de ir embora do Solar acabavam dando errado e adiando sua partida, tempo suficiente para ele saber que Eve poderia perder todo seu patrimonio para o irmão do pai - que ja é falecido -
Só com uma condição ela não perderia, se casar antes da data da morte de um ano do pai.
E o que ele pensa? ARÁAA, vou me casar com ela e cumpri o juramento que fiz ao seu irmão.
E ai a estória começa.


Bem gente eu falei um pouco a mais do que na sinopse acima, pois é um livro que não pode se falar muito se não acaba contando tudo.
Eve e Aidan acabam casando por conveniência, para Eve o obvio não perder sua fortuna e deixar seus entes queridos sem um lar (e sera que deixar também um amor passado?) rsrs
E para Aidan - o que parece que menos sentiu, mas sentiu e muito  -  bem para ele parecia tanto faz, afinal ele logo voltaria a cavalaria (porém ele teria que esquecer e dar adeus a seu futuro com uma senhorita)

Quando comecei ler esse romance, que se data de epoca, obviamente acabei tendo que compara-lo aos romances de Julia Quinn da serie Os Bridgertons.
Comparando-os, notei que a autora Mary Balogh transformou em um romance serio e cheio de um certo suspense.
Mas voltando-se ao livro dela e ela em particular ( e esquecendo as comparações antes de tudo) notei que ela quis que realmente o autor senti-se como Eve e Aidan se sentiram, como os pensamentos de como seria a vida um com o outro foram vindo.

O livro basicamente, alias!!! REALMENTE SÓ NO FINAAL! acaba dando desfecho
Teve sim alguns atos dos dois ao decorrer do livro, mas atos que eles julgavam ser para confirmar o casamento perante TODOS, não para eles mesmos.
Creio eu que nos dois ou três últimos capítulos em especial para o ultimo que a autora realmente narra se realmente os  ficariam ou não.

A leitura é envolvente, cativante. E tem uma busca particular para o coração dos dois.
Afinal são duas pessoas machucadas, que meramente sabem do real sentimento disso, mesmo que achem que sabem.

Creio que a serie iria me cativar muito ao todo, porém pelo que vi na introdução dos outros irmão de Aidan, o segundo livro talvez me traga algumas risadas ou mais desejo! Vamos ver!!

HÁAA ESQUECI!
Uma coisa que notei no livro e me fez ficar confusa, não irei falar da parte exata, pois se não irei contar mais do que deve,
mas teve uma parte especial do livro que parecia um déjá-vu, porque. Era uma coisa que Eve ja havia dito para o coronel, e um tempo depois ele aparece como se não estivesse sabendo daquilo devido a uma conversa. Foi a unica coisa que me deixou meio encabulada.
Enfim...

E é isso gente, espero que vocês tenham gostado. Fiquem com Deus.

Nenhum comentário

Postar um comentário