Livro: Um Perfeito Cavalheiro - Os Bridgertons

quarta-feira, 26 de novembro de 2014

Livro: Um Perfeito Cavalheiro
Paginas: 295
Editora: Arqueiro
Autora: Julia Quinn

Sinopse: Sophie sempre quis ir a um evento da sociedade londrina. Mas esse é um sonho impossível. Apesar de ser filha de um conde, é fruto de uma relação ilegítima e foi relegada ao papel de criada pela madrasta assim que o pai morreu. Uma noite, ela consegue entrar às escondidas no baile de máscaras de Lady Bridgerton. Lá, conhce o charmoso Benedict, filho da anfitriã, e se sente parte da realeza. No mesmo instante, uma faísca se acende entre eles. Infelizmente, o encantamento tem hora para acabar. À meia-noite, Sophie tem que sair correndo da festa e não revela sua identidade a Benedict. No dia seguinte, enquanto ele procura sua dama misteriosa por toda a cidade, Sophie é expulsa de casa pela madrasta e precisa deixar Londres. O destino faz com que os dois só se reencontrem três anos depois, Benedict a salva das garras de um bêbado violento, mas, para decepção de Sophie, não a reconhece nos trajes de criada. No entanto, logo se apaixona por ela de novo. Como é inaceitável que um homem de sua posição se case com uma serviçal, ele lhe propõe que seja sua amante, o que para Sophie é inconcebível. Agora os dois precisarão lutar contra o que sentem um pelo outro ou reconsiderar as próprias crenças para terem a chance de viver um amor de conto de fadas. Nesta deliciosa releitura de Cinderela, Julia Quinn comprova mais uma vez seu talento como escritora romântica.

Oi meus amores tudo bem ?? Hoje vim falar de mais um livro da serie Os Bridgertons, e agora contando a estória de mais um irmão lindo, perfeito e tudo de bom. O Benedict.
Mas antes preciso ja deixar claro como faço sempre antes de postar a resenha.
Vai começar minha semana de prova. Justamente hoje que estou postando esta resenha, estou fazendo as demais que deixei acumular (pela primeira vez acumulou resenha \o/). Então não deixarei o blog desatualizado, porém as visitas nos blogs e outras coisas talvez demore um pouco mais, e espero que entendam ok? Terá ótimas resenhas de livros maravilhosos.
Mas vamos lá.

O terceiro livro da serie, traz uma narrativa diferente dos outros. Ele é praticamente baseado na estória da Cinderela. Mas o mais interessante que ele é baseado nas duas versões da Cinderela, lembra aquele filme da Disney antigo e depois a adaptação que chama  A Nova Cinderela? Então no começo me lembrou muito os dois, mas depois com o tempo você perfeitamente que é só o plano de fundo para a estória que ganha um aspecto diferente.
Sophie é uma filha bastarda de um Conde, mesmo ele não demonstrando amor por ela  a acolheu e deu todos os modos e tratos que deveria uma dama ter. Porém tudo mudou quando o Conde resolveu se casar novamente.
A condessa possui duas filhas ( mas diferentemente do desenho e do filme, onde as duas eram malvadas, uma delas não era, muito pelo contrario, era tratada da mesma forma desprezível pela mãe).. então, desde a sua chegada transformou a vida de Sophie um inferno, principalmente depois do falecimento do Conde.
Ela basicamente acabou sendo uma criada que fazia de tudo, pintava e bordava, sofria de um jeito que me deixava de coração partido.
Até a chegada do baile de mascaras!
Ela fora designada a ficar em casa, obviamente, mas os empregados não tinha o mesmo plano que sua patroa. E como a fada madrinha nos desenhos, os empregados que foram o de Sophie, a arrumaram e fizeram com ela se torna-se no que merecia, uma dama.
E foi ai que ela conheceu Beneditc, e foi ai que seu coração além de se tornar apaixonado se partiu. Pois o final do baile a fez não somente sair a meia noite, mas sair de onde ela estava para sempre.

Só que o destino nada é bobo e os colocou frente a frente novamente, três anos depois, só que com um porem. Benedict, não sabe quem de fato a moça do seu coração é a linda bastarda em sua frente.

E ai a trama toda se desenrola, trazendo uma narrativa fascinante e que cativa o leitor. Eu fiquei em muitas momentos nervosa - afinal eu não sabia ao certo que ia acontecer - e também ri muito. O gostoso dos romances da Julia Quinn que ela sabe muito bem sintonizar o drama e a comedia, fazendo com que você não sofra tanto com a estória do personagem.

Outro aspecto bacana que achei, foi a adaptação da estória da Cinderela - que é uma das minhas favoritas - achei legal trazer atona um aspecto mas intenso, mais real. Mostrar realmente os conflitos que uma pessoa como Sophie pode ter, e os caminhos que a sociedade colocava devido não só a seu  -lado - por ser bastarda - mas simplesmente pela desigualdade em si.

AHH claro, como na outra resenha preciso comentar do COLIN!
Vocês vão ver quando eu ler o livro dele, vou subir pelas paredes rsrsrs. O Colin, novamente apareceu para encher o livro de graça, ele é um verdadeiro molecão em forma de homem, e novamente indiretamente ou diretamente acabou sendo o cupido.

Outros pontos que claro não poderia deixar passa novamente é a mãe dos irmãos. Ela sempre aparece pouco, porem nos dois últimos livros ela apareceu uma frequência um pouco maior e nesta com uma graça maior, sinceramente teve um momento que eu ri muito com ela e lembrei da minha mãe - mãe que quer casar todo mundo da nisso rsrs - E logicamente não poderia esquecer da nossa Lady, afinal essa bichinha travessa ta me deixando mais confusa, pelo visto só vou conseguir descobrir quem é ela no último livro desta serie k

PS: Outra coisa que esqueci de falar - eu escrevo e escrevo e no final sempre que posto ou salvo as resenhas, lembro que tinha mais coisa -  É o fato de Benedict ter se apaixonado por ela novamente, porém sem saber que de fato a linda "Cinderela" era ela. Achei bacana a Julia Quinn mostrar aqui que o que prevaleceu foi o interior de alguém e não seus status ou seu físico. A M E I

Bem é isso amores, espero que tenham gostado, para quem curte romances intensos porem leves é uma ótima opção essa serie, que é apaixonante. Comentem, compartilhem. Um beijo <3


2 comentários

  1. Oi Cami, tudo bem?

    A Julia tem o poder das palavras, né? hahaha Ela conquista pra valer. E olha que nem li o livro hahahaha Só li resenhas mesmo. Achei bacana também essa "releitura" de Cinderela. E eu estou louca pra ler romances de época, esse parece ótimo pra começar.

    Beijocas
    http://www.estantedasfadas.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ca, tudo bem sim e com você?
      rsrs, ela realmente me deixa em folego, é uma autora maravilhosa e de ideias encantadoras mesmo.
      Se você realmente procura um livro de época, acho que não tem outro melhor que este para começar, você vai se apaixonar, rir, se encantar. E tirando que realmente a ideia da Cinderela inovou a serie.

      Um beijo <3

      Excluir