Livro: O Visconde que me Amava - Os Bridgertons

segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Livro: O Visconde Que Amava
Paginas: 290
Editora: Arqueiro
Autora: Julia Quinn

Sinopse: A temporada de bailes e festas de 1814 acaba de começar em Londres. Como de costume, as mães ambiciosas já estão ávidas por encontrar um marido adequado para suas filhas. Ao que tudo indica, o solteiro mais cobiçado do ano será Anthony Bridgerton, um visconde charmoso, elegante e muito rico que, contrariando as probabilidades, resolve dar um basta na rotina de libertino e arranjar uma noiva.
Logo ele decide que Edwina Sheffield, a debutante mais linda da estação, é a candidata ideal. Mas, para levá-la ao altar, primeiro terá que convencer Kate, a irmã mais velha da jovem, de que merece se casar com ela. Não será uma tarefa fácil, porque Kate não acredita que ex-libertinos possam se transformar em bons maridos e não deixará Edwina cair nas garras dele. Enquanto faz de tudo para afastá-lo da irmã, Kate descobre que o visconde devasso é também um homem honesto e gentil. Ao mesmo tempo, Anthony começa a sonhar com ela, apesar de achá-la a criatura mais intrometida e irritante que já pisou nos salões de Londres. Aos poucos, os dois percebem que essa centelha de desejo pode ser mais do que uma simples atração. Considerada a Jane Austen contemporânea, Julia Quinn mantém, neste segundo livro da série Os Bridgertons, o senso de humor e a capacidade de despertar emoções que lhe permitem construir personagens carismáticos e histórias inesquecíveis.

Oi meus amores, tudo bem com vocês?
É eu sei atrasei nas resenhas, e tenho varias para postar, devido a faculdade e outros problemas acabei demorando.
Mas hoje vim falar com vocês sobre esse livro lindooooo demais! Bora?

Para quem não sabe o Visconde que me Amava é a continuação da serie dos irmãos Os Bridgertons (onde o primeiro se chama O Duque e Eu que conta a estória de Daphne e Simon - resenha aqui)
Agora no segundo livro vem contando a estória de outro irmão, Anthony, o mais velho de todos e ao me ver o mais "serio" também.
O enredo se baseia especialmente no conceito que Anthony criou da vida apos a morte de seu pai. Para ele, seria impossível superar seu pai em tudo, na vida social, amorosa, riquezas e até na idade - o pai de Anthony morreu precocemente na faixa dos 38 anos, devido a uma "picada de abelha"- após esse ocorrido ele achou que morreria ou com a mesma idade ou até antes. Então ele prometeu a si mesmo, jamais se apaixonar, se encantar por alguém ao ponto de se perder por completo, a final para Anthony a pior dor do mundo e perder um amor ou alguém que se ama.
Por isso desde rapazote ele acaba se tornando um libertino - atos e ações que são livros de senso moral, não se importa muito- Saia com varias moças, mas nunca uma virgem isso era o combinado dele. 
Até que conheceu a Kate. Mas ele não conheceu de maneira muito correta.
Anthony na carreira dos 30 anos resolve se casar, porém ele queria estar ao lado de uma pessoa bela, inteligente mas que ele não se apaixona-se, assim acabou achando que Edwina irmã de Kate seria a resposta para seus problemas, o que ele não esperava que precisava conquistar o respeito da irmã. 
E foi assim o que o drama mais engraçado começou acontecer.
Anthony de todas as maneiras tentava no seu modo conquistar a confiança de Kate para cortejar a Edwina, mas sem perceber acabava a desejando mais e mais, e isso o deixava doido. Afinal como não amar alguém que no fundo já esta amando?

O enredo do livro é maravilhoso, composto por muitos risos e muita irritação. Você tem vontade de esgana os dois, mas depois não vê a hora de aperta cada um. 
Por mais que o livro mostra-se a comedia, foi muito bacana ver o que o sentimento de amor pode fazer com uma pessoa e a mudança que causou no Anthony.
É CLARO! QUE EU NÃO POSSO ESQUECER DE ALGUNS DETALHES:
Primeiro: Collin. Gente serio eu sou apaixonada pelo Collin desde do Duque e Eu, mas no livro do Anthony ele me fazia chorar de rir, e quem percebeu ele acaba indo meio que um cupido, seja intencional ou não da parte dele. 
Segundo: O livro em si não contem cenas de sexo explicitas, porem deixa bem claro a intensidade dos momentos. E COMO DEIXA
Terceiro: Lady Whistledown. Gente eu já tentei, já imaginei todo o tipo de mulher, mas não consigo descobri quem é. Só sei de uma coisa, o bichinha danada para descobrir as coisas eu amo.

No geral, a estória te envolve, é rápida demais para se ler e te faz não somente rir mas refletir sobre os momentos especiais de sua vida. Vale muito apena. 

Se você leu ou vai ler deixa seus comentários, como sempre é bem-vindos. Um grande beijo amores

Nenhum comentário

Postar um comentário